segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

Ciclo de Parasitagem...

Demoras na entrega do Magalhães está a causar ansiedade às crianças.
O inenarrável albino almeida Dr. ataca de novo… Olha a ansiedade que o magalhães provoca nas criancinhas, cospe. Dêem-lhes Xanax, digo eu, e, enquanto não recebem essa porcaria, ensinem os miúdos a ler e a escrever. Sem essa ferramenta básica, nenhuma outra lhes serve para nada, a não ser para jogarem e essas plataformas não lhes devem faltar… Depois, diz o inenarrável, é inaceitável numa sala estarem uns alunos a trabalhar com o magalhães e outros não. Pergunto, o quê que ele tem com isso? Quem tem de o saber são os professores que dirigem as aulas, a responsabilidade e a noção de oportunidade de utilização dos ditos aparelhos é deles, pelos vistos há quem os utilize em grupo, o que prova que o inenarrável não só não percebe nada do assunto, como só deveria dar palpites sobre o trabalho dos outros se lhe pedissem opinião, coisa que não me parece ser o caso… Meta-se, pois, na sua vida e deixe os outros resolverem e gerirem as suas dificuldades… Durante anos os professores utilizaram os escassos computadores que existem nas escolas em trabalhos de grupo ou à vez, sempre souberam gerir isso e sabem, com toda a certeza, gerir isto…
Outro aspecto que esta chaga da sociedade parece esquecer, e esta bem mais grave do que a porcaria do Magalhães, é o que se passa com os cursos EFA, em que há muitos alunos ainda à espera dos códigos e, aí sim, o computador pessoal é quase imprescindível, já que as escolas não possuem máquinas em número suficiente e, neste tipo de cursos, é uma ferramenta muito importante, já que têm que pesquisar e escrever os trabalhos nestes aparelhos.
Cabe ainda dizer que, obviamente, a culpa de tudo isto é dos professores. Essa corja que não quer trabalhar como o bininho manda e que só lhe dá atenção quando lhe apetece rir um pouco. Tudo o resto que tem de nós é o mais profundo e merecido desprezo.
Para terminar, qualquer cêntimo que o Ministério da Educação, ou seja quem for, entregue à tua confraria é dinheiro tão mal gasto e inútil para a educação como tu, que bem sabes que os cêntimos são mais que muitos

4 comentários:

raivaescondida disse...

http://raivaescondida.wordpress.com/2009/02/23/pirotecnias-mario-crespo/

O Guardião disse...

O Magalhães é uma negociata, e começo a questionar-me, como é que se aprendia antes desta porcaria?
Enfim, eu até "mexo" na coisa sempre que me apetece, mas indispensável é que não é, pelo menos no ensino primário, onde aprender a ler e a escrever é essencial.
Cumps

História96 disse...

Albino, magalhão e o fripór. Aqui está a salvação da educação portuga.

Joaquim Ferreira disse...

Os problemas de comportamento dos meninos, é EXCLUSIVA culpa DOS PAIS E DO GOVERNO. OS PAIS QUE SE DEMITIRAM DO DEVER DE EDUCAR OS FILHOS (porque isso dá trabalho, exige atenção e empenho!) E NADA LHES ACONTECE. ESTES PAIZINHOS NUNCA SÃO MULTADOS E CONTINUAM A RECEBER AS PRESTAÇÕES SOCIAIS (ABONO!). É A PROMOÇÃO DA CULTURA DO FACILITISMO! Não se lhes pode impor regras, crescem a fazer o que querem, e quando chegam à escola, não sabem comportar-se porque os MODELOS EM CASA SÃO UM DESASTRE (Não respeitam os outros porque também não respeitam os progenitores!) Dos professores ouvem-se cada vez mais frases do tipo “as crianças estão cada vez mais insuportáveis!” associadas a “Há PAIZINHOS que são inqualificáveis!” Perante queixas da escola, OS PAIZINHOS resolvem os problemas agredindo os professores. NINGUÉM PODE DAR O QUE NÃO TEM. Como resolver o problema? AS ESCOLAS DEVEM CRIAR ESTATUTOS E REGRAS. Dadas a conhecer aos pais, só devem inscrever nelas os seus filhos se concordarem com elas. Caso contrário, que levem os filhos para outros estabelecimentos de ensino. É o que faz o Ensino Privado. NÃO É O ENSINO PRIVADO QUE OS PAIS TANTO ELOGIAM ? POR QUE ESPERAMOS? A luta continua em ferreirablog: "Não Calarei A Minha Voz... Até Que O Teclado Se Rompa !"