quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Depois do 15 de Outubro...

Como uma onda - Caetano Veloso / Lulu Santos

Composição: Lulu Santos / Nelson Motta


Nada do que foi será

De novo do jeito que já foi um dia

Tudo passa, tudo sempre passará

A vida vem em ondas como o mar

Num indo e vindo infinito

Tudo que se vê não é

Igual ao que a gente viu há um segundo

Tudo muda o tempo todo no mundo

Não adianta fugir

Nem mentir pra si mesmo

Agora

Há tanta vida lá fora, aqui dentro

Sempre como uma onda no mar

Como uma onda no mar

Como uma onda no mar

Nada do que foi será

De novo do jeito que já foi um dia

Tudo passa, tudo sempre passará

A vida vem em ondas como o mar

Num indo e vindo infinito

Tudo que se vê não é

Igual ao que a gente viu há um segundo

Tudo muda o tempo todo no mundo

Não adianta fugir

Nem mentir pra si mesmo

Agora

Há tanta vida lá fora,

aqui dentro

Sempre

como uma onda no mar

Como uma onda no mar

Como uma onda no mar

Como uma onda no mar

Como uma onda no mar

Como uma onda no mar

O 15 de Novembro...

2 comentários:

raivaescondida disse...

Segundo o porta-voz da plataforma sindical, esta decisão foi tomada "perante a gravidade das propostas que são apresentadas pela tutela", sobretudo a que diz respeito à "avaliação de desempenho como factor de graduação profissional".

Mário Nogueira sublinhou que a manifestação hoje convocada "não será comparável à de Março", que mobilizou cerca de 100 mil professores, porque não é esse o objectivo: "Março foi o culminar da luta do anterior ano lectivo. Esta servirá para reaquecer os motores e como um factor de pressão para exigir a possível alteração da legislação" da colocação de professores, explicou.

O sindicalista precisou ter sido muito importante escolher uma data que permitisse "expressar o descontentamento da classe", mas "também intervir caso o ME não tenha acatado as propostas apresentadas". http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=1029584

quink644 disse...

http://braganzamothers.blogspot.com/2008/10/15-de-novembro-mesmo-o-dia-do-no-alis.html#links