quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Uma aventura na escolarização universal do secundário...


Ao que parece, e que podemos ler aqui, a nossa leopoldina continua a sua carreira de contadora de histórias para crianças. desta feita, vem falar da escolarização universal do secundário... Mas por onde é que anda aquela cabeça, em que país é que julga que vive, qual é a escola onde isso acontece, quantos milhares de casos quer em que nem o 3º ciclo conseguem concluir e cuja passagem pela escola se resume ao que podem ler aqui? Dos outros níveis de ensino não falo porque desconheço essas realidades, mas esta fantasia infantil com que entendeu brindar os deputados e o país todo é perfeitamente aviltante para a inteligência de qualquer pessoa com três neurónios. Não responde a questões? Pudera...

Quem quiser mais disponha!



4 comentários:

bulimunda disse...

Excelente...embora a avestruz tenho melhor ar que este franga careca...
http://bulimunda.wordpress.com/2010/02/11/a-clear-conscience-yes-prime-minister-este-dialogo-tera-inspirado-quem-voces-sabem-de-quem-e-que-eu-estou-a-falar/

bulimunda disse...

Ainda mais este..abraço Quink...
http://bulimunda.wordpress.com/2010/02/11/frase-orcamental/

Pata Negra disse...

A Lurdes fechou o mandato com chave de ouro: 12º obrigatório!
12º ano obrigatório, incontestável, sinal de desenvolvimento! Mas quando é que esta gente vem dar uma volta à escola real que fica no país real?!
Um abraço escolarizado

Ana Isabel disse...

O mais grave e de que ninguém fala é das metas.
Na entrevista que a Leopoldina deu à Visão deixou bem claro que já recrutou os amiguinhos dos eduqueses e das ESEs para fazer umas metas fáceis para todos passarem.
Vamos ser obrigados a trabalhar para objectivos mínimos.
Isto é um escândalo.
E a gaja vai ter o país todo a bater-lhe palminhas. Nós devíamo-nos revoltar contra uma burrinha que só sabe distribuir sorrisos e dizer que os programas são muito difíceis.