quinta-feira, 4 de setembro de 2008

Esclarecimento

Tendo visto hoje noticiada a operação Carrossel II, efectuada pela polícia judiciária no âmbito do combate à pedofilia, que, como sabemos, tão bem se faz em Portugal, apercebi-me de um erro relativamente grave que surge em todas as notícias que li, TSF, C.M., etc e que gostaria de corrigir. Contrariamente ao que se pode ler, os professores não são da classe média alta, pelo contrário, são da classe média baixa baixa; é um sacrilégio compará-los a advogados, médicos e não sei que mais… Pode haver professores de classe média alta, mas não é com o que ganham no seu ofício. Poderão ganhar noutros negócios, talvez mesmo o que está a ser investigado, terem herdado, qualquer coisa assim. A dar aulas não foi…

1 comentário:

esbulharabos disse...

não se estarão areferir aos deputadosda nação?
e que essas profissões são predominantes na assembleia..daí a referência á classe média alta..